5.11.07

passos estilhaçados



Tristeza estéril das fissuras
Alongavam em murmúrio pelo chão
Onde a memória se aferventa

No coração dos dias estilhaçados
A limpidez sombria
Nítida
No degrau mais estilhaçado
Assenta a frieza exacta

no caminho esgotado
dos passos que o feriram
pousa o olhar que assiste
ao tempo que se desenha parado

A povoar este caminho
Ardia a solidão
Suspensa
Vertida como um plano de sombra

Etiquetas:

10 Comments:

Blogger sniqper ® said...

Gosto de te ler e de te ver...
Sinto o que escreves e ilustras...
Sinto que És Uma Pessoa Linda.

12:06 da tarde  
Blogger Plum said...

Gosto!***

8:30 da tarde  
Blogger mariazinha said...

A beleza das pequenas coisas. Tens o dom de a captar de uma forma única.
:)*

10:21 da tarde  
Blogger Maria Viene said...

Aqui também se está muitoooooooooooooo
bem!

E também eu, voltarei :)

10:52 da manhã  
Anonymous Secreta said...

Solidão essa que queima os sentires ...
Beijito.

11:25 da manhã  
Blogger Sentir said...

A solidão? Arde em todo rumo, deixando suas pegadas por tornar o seguir um fardo.
Meus sentidos se inquietam com a sensibilidade dos teus. Tuas imagens são sublimes, teus textos idem.
Um beijo sentido.

3:36 da tarde  
Blogger 7 Pecados Mortais said...

Mais um bonito pormenor de uma calçada perdida na solidão em que as suas fissuras toda a verdade sabe. Por ela muitos o calcaram, muitos a cuspiram, muitas conversas ouviu, contudo sente nos seus braços a leve pena que lhe pode fazer descansar a alma da solidão. Gostei. Beijos

5:39 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

mais uma tristeza tua, que tenta romper do anónimato dos dias corridos suspensos no bandolim das horas absurdas. o absurdo das sombras vestidas de negro como monges austeros no silêncio dos teus anseios carmins. és bela*
João.

9:45 da tarde  
Blogger CatWorld said...

triste mas muito boñito!
beijoca!

10:57 da manhã  
Blogger Pearl said...

Uau!!!
Gostei do poema, gostei das imagens! Adorei o detalhe da pena, a sombra da pena está um espanto!!!
Gostei muito mesmo e voltarei... aliás, vou linkar-te!!!
:o)))***

11:01 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home