30.9.07

pensamentos mesclados


Do que sorrirá…
Embora esverdinhado?

Não retribuo a lisonja
Aquele olhar debruçado e devasso
Esmói-me os pensamentos mesclados
Como um sol outonal
Que persiste em brilhar
Esmorecido

O meu pasmo olhar sorve
O suspeito sorriso
Temível
Pertinaz
Fiquei-me a cismar
Nos flancos esconsos
Essência idónea
Que pendia na orla da boca
Aquele sorriso
Incontido de som
Que me seguiam os encruzilhados passos

12 Comments:

Anonymous Anónimo said...

porque os olhares de sol outonal, nunca morrem, esperam atrás da lua o momento certo para se aproximarem. deixa-o devassar-te, vive-te nele e ele em ti.
joão*

11:41 da tarde  
Blogger Musa said...

Este comentário foi removido pelo autor.

11:52 da tarde  
Blogger sniqper © said...

Será que a consciência sorri? Persegue os nossos passos...

10:02 da manhã  
Blogger Plum said...

Do que sorrirá?*

1:19 da tarde  
Blogger Dalaila said...

e segue..
e persegue...abre-te a ele, se sentires que se esverdinha em ti. Agora um sorriso com som arrepia a pele

2:28 da tarde  
Blogger CatWorld said...

TB FICO CURIOSA!
DE QUE SERA?

3:26 da tarde  
Blogger Bandida said...

do som. da água.


beijo


B.

12:16 da manhã  
Blogger Sentir said...

Alguns sorrisos me dão medo.

12:49 da tarde  
Blogger EXCITAÇÕES said...

John Surman em fundo...hummm, que elegância e bom gosto! Só isto basta para te querer linkar ao Excitações! Posso?

beijinhos excitantes

12:53 da tarde  
Blogger irneh said...

É um sorriso meio malicioso, meio louco... pelo menos parece-me.


Beijinhos

10:08 da tarde  
Blogger 7 Pecados Mortais said...

Gostei muito da tua visita ao meu blogue. Acho muito interessante a forma com que relacionas a poesia com todas as formas de arte possíveis. Muito bom, gostei e como poeta e fotógrafo que sou, prometo visitas também frequentes como tu prometeste também. beijos.

7:44 da tarde  
Blogger Som Do Silêncio said...

Um sorriso malicioso
Maroto e suspeito...
E as tuas palavras brilham
Inundadas pelo sol outonal

Um Beijo Silencioso

9:28 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home